Blog

Brasil perde cerca de R$ 40 bi por ano com acidentes de trânsito

Do montante, R$ 12,3 bilhões são gastos em ocorrências correspondentes aos casos das rodovias federais

acidentes-transito-numeos

Conforme dados de um estudo divulgado pelo Ipea (Instituto de Pesquisa Econômica e Aplicada) e pela PRF (Polícia Rodoviária Federal), com base em dados de 2014, o Brasil perde, por ano, cerca de R$ 40 bilhões em decorrência de acidentes de trânsito.

Do total divulgado, R$ 12,3 bilhões são oriundos de ocorrências correspondentes aos casos das rodovias federais. O restante diz respeito a vias estaduais e municipais.

“É um custo para a sociedade brasileira. Mais de 80% das vítimas são pessoas em idade produtiva – de 15 a 64 anos -, o que representa um impacto na renda das famílias. Mas também há uma parcela significativa do orçamento público, especialmente da Previdência e da Saúde”, diz o pesquisador Carlos Henrique Carvalho.

Os R$ 40 bilhões, por exemplo, representam quase metade de todo o orçamento do Ministério da Saúde, que é R$ 91,5 bilhões. Além disso, o País arrecada por ano aproximadamente R$ 6 bilhões com multas, que devem ser investidos em educação para o trânsito.

O custo médio por acidente é de R$ 72 mil. Nos casos em que há morte, o valor chega a R$ 646 mil. O valor O estudo leva em consideraçãoa cuidados com saúde e pagamentos de indenizações, os danos ao veículo e ao patrimônio público, além de custos institucionais, como da mobilização de equipes de socorro.

As colisões frontais são o tipo de ocorrência com maior índice de mortes: 33 de cada 100 óbitos nas rodovias federais. A PRF aponta, ainda, que 93% das mortes e 89% dos acidentes em BRs são registrados em trechos de pista simples.

Cerca de oito mil pessoas morreram e 100 mil ficaram feridas em 169 mil acidentes registrados nas BRs em 2014. Em dez anos, os números cresceram 34%, 50% e 50%, respectivamente.

Com informações da CNT

Fonte: Transporta Brasil